Mindfulness muda a estrutura do cérebro, além de mudar os aspectos mentais

Não se fala sobre outra coisa: descobriram que a prática de meditação não funciona apenas para deixar seus praticantes mais calmos e tranquilos, modificando processos mentais e respostas ao estresse e à ansiedade, há pesquisas comprovando a eficácia da meditação para mudar estruturas cerebrais específicas. Saiba mais!

Uma pesquisa realizada na Universidade de Havard aponta que a prática de meditação a longo prazo está associada com um córtex mais grosso, comparado com não meditadores. Esta informação foi constatada através de ressonâncias magnéticas. As áreas envolvidas estão associadas aos processos de atenção, introspecção e processamento sensorial. Esta pesquisa¹ é bem famosa e foi muito divulgada pelos últimos tempos nas redes sociais. A responsável pelo estudo é a neurocientista Sara Lazar, muito conhecida pelas pesquisas neurocientíficas nas áreas da meditação e yoga. No entanto, há outras pesquisas super interessantes nesta área.

Por exemplo, uma pesquisa da Universidade de Aahus², que comparou o cérebro de praticantes de meditação com o cérebro de não praticantes, constatou um aumento da massa cinzenta no tronco cerebral dos praticantes de meditação. Esta área está associada ao controle cardiorrespiratório, o que explica e embasa diversos estudos sobre os efeitos cognitivo, emocional e imunorreativos associados à meditação.

Ainda há diversos outros estudos indicando a mudança estrutural através da prática de mindfulness. Uma pesquisa³ realizada em conjunto pelas Universidades de Havard, Justus Liebig Universität Giessen e Massachusetts, investigou sobre as mudanças estruturais que um programa de 8 semanas de Mindfulness poderia ocasionar. O resultado foi o aumento da massa cinzenta no hipocampo esquerdo, área cerebral envolvida na aprendizagem e memória.

O aumento de massa cinzenta também foi constatado em uma outra pesquisa, da Universidade Jena e UCLA, agora na região frontal, além do hipocampo, áreas do cérebro que são associadas à regulação emocional e controle de resposta. A regulação emocional tem sido muito discutida dentro da área da Psicologia e já é instrumento de desenvolvimento da Terapia Cognitivo Comportamental há um bom tempo. Em poucas palavras, a regulação emocional reflete a capacidade de uma pessoa a equilibrar-se depois de um evento considerado desagradável. Esta pesquisa foi muito relevante, pois explica cientificamente e por meios técnicos da psicologia como a meditação nos deixa "mais calmos e mais tranquilos", como costumamos nos referir habitualmente.

Os resultados dessas pesquisas científicas na área da neurociência são super importantes, pois confirmam o que os monges budistas dizem há milhares de anos. De um anos para cá, o interesse das pessoas pela meditação e, em especial, por mindfulness, tem aumentado consideravelmente, na mesma medida em que o ceticismo tem diminuído. Com o avanço cada vez maior das pesquisas nesta área, é provável que este movimento aumente cada vez mais.

Ficou interessado em participar de um programa de Mindfulness?

Aqui na CPPMP abrimos grupos a cada 2 meses, de 8 encontros cada. É o único no estado do Paraná que conta com todo apoio psicoterapêutico e trabalha com temáticas exclusivas. Nestes 8 encontros você vai entender o que é ansiedade e como lidar melhor com ela através das práticas de mindfulness, vai desenvolver mais foco e produtividade dentro dos seus projetos, vai entender sobre os episódios depressivos e terá muitas ferramentas para poder lidar com os mais variados estados emocionais, desenvolvendo habilidades de regulação emocional.

Para mais informações, escreva para: contato@cppmp.com.br

Referências Bibliográficas:

¹. http://scholar.harvard.edu/sara_lazar

². https://iamheart.org/dome/201/attention/grey_matter.pdf

³. http://www.personal.psu.edu/faculty/c/a/caw43/behrendwriting/Holzel%20-%20Mindfulness%20Practices%20Increase%20Gray%20Matter%20Density.pdf

#mindfulness #atençãoplenacuritiba #mindfulnesscuritiba #benefíciosdapráticademindfulness

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square